quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Uma luta pela vida das renas.

Ontem eu estava navegando num dos meus sites favoritos, o Orkut, quando eu vi q uma das minhas comunidades (Não maltrate os animais) tinha novos tópicos. Um deles era algo assim: "Massacre anual das renas". Abri o tópico.
Nele, uma garota tinha postado uma vídeo sobre o massacre anual das renas, em países como a Finlandia, e logo abaixo, tinha um link para um site onde vc assina, num abaixo-assinado, uma carta que será mandada ao conselho Nórdico (dos países da Escandinávia) para acabar com essa matança de renas em pleno natal.
E o vídeo? Bom, o vídeo é tão horrível que prefiro nem descrever. O jeito que eles arrancam a galhada das renas enquanto elas estão vivas... Cruzes. Nem dormi direito essa noite.
Óbvio que eu assinei a lista, como toda boa ativista pela vida dos animais. Acho que vc também devia assinar. http://e-activist.com/ea-campaign/clientcampaign.do?ea.client.id=24&ea.campaign.id=8754 (Só pra constar: esse movimento pela vida das renas está sendo organizado pela WSPA, e NÃO é trote!) Se vc é humano, se vc tem coração ou ao menos consciencia, vc tem que assinar essa lista. Pelas renas.

bjo,

Lee.

domingo, 12 de dezembro de 2010

Férias... Será que são tão boas assim?

Finalmente as aulas acabaram. Eu disse adeeus aos meu livros, cadernos, professores, as minhas aulas entediantes (e também às legais) as brincadeiras bobas e retardadas de amigos, a sala apertada etc., etc. etc., e dei um olá para dois meses para não fazer praticamente NADA.
Qualquer pessoa em seu perfeito juízo sabe que esse é o momento mais esperado do ano letivo, desde sempre, não é mesmo?Mas a minha pergunta é: será que é assim tão bom? Porque, tipo, na escola, a gente ve nossos amigos todos os dias, conversamos, trocamos bilhetinhos na aula de Empreendedorismo, lanchamos juntos, falamos mal dos professores (sem ofensas!), planejamos o findes, (fingimos que)estudamos e tal. E nas férias, a gente basicamente fica grudado na tela do computador feito um maníaco e não ve com tanta frequencia seus amigos. Tipo, óbvio, eu só vou pra aula pra esperar as férias, mas as aulas também são divertidas!(ooops, acho que esqueci de dizer que as aulas são decisivas para o nosso futuro, mas tá.) Nunca achei que diria isso, mas adoro ir para a aula. Aposto que, beeem lá no fundo, voce também.

Bjo,

Lee

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Paramore não é emo.

Sério, não aguento mais todo mundo falando que a banda Paramore é emo. NADA A VER, gente! Sou mega-fã de Paramore (a Hayley é minha "ídola"!), e nunca pensei que fosse emo. Tipo, as músicas são beem melhores que as músicas desse povinho chato que não gosta de Paramore. Tá, se não gosta beleza, problema seu. Mas pra quê xingar? POXA! (:D)Se você também é Paramore lover, sabe do que estou falando. Portanto, fik_dik: Respeite o gosto dos outros, não só em música.

Bem por hoje é só.

Lee

sábado, 24 de julho de 2010

Eu gosto de Harry Potter SIM, porque?

OLha, eu ADORO Crepúsculo, os livros, a história e tals. Mas, tipo, eu gosto MAIS de Harry Potter, sabe? A primeira vez que eu li, eu me encantei! As personagens, os lugares, os conflitos, os amores, enfim, TUDO! E o mais importante: toda vez que eu abria o livro pra ler, eu sentia aquele friozinho na barriga: o que será que vai acontecer?
Infelizmente, eu não senti isso ao ler Crepúsculo. Claro que fiquei VICIADA, mas acho que não foi a mesma sensação, do tipo morder o primeiro quadradinho de chocalate da barra!
E você acredita que agora tem gente que sente VERGONHA de falar que ama Harry Potter, só por causa da "Febrecrepúsculo" (provacada quase que apenas pelo tanquinho incrivelmente malhado de Taylor Lautner)? Acho um absurdo tudo isso!

Bem por hoje é só.

Lee

quinta-feira, 1 de julho de 2010

Béstie XD

Ai, a Kharol é minha MELHOR amiga, desde dos 4 anos de idade! Muitos loucos momentos passados juntas, muitas "brigas-relâmpago", muitos risos, muitos choros, muitos abraços.
INFELIZMENTE, eu tive que mudar de colégio. Os públicos não são lá dos melhores, se é que você me entende. Então, assustada com a nova e ansiosa, eu saí desse colégio, e fui para o CSL.
Daí, a gente prdeu um pouco de contato. Afinal, a gente não se via mais todo santo dia! Foi um pouco triste, mas, a cada "saideira" nossa juntas (como ontem!), nossa amizade se renova, se fortalece. Porque nossa amizade é para SEMPRE!
E é claro que um dia, eu iria escrever um post sobre essa amizade TÃO especial! Beijo gata!

Bem por hoje é só.

Lee

domingo, 13 de junho de 2010

Porque música sertaneja faz TANTO sucesso?

"Ora, porque tem gente que ouve, né?" você me diria. Mas então, porque tem tanta gente que gosta desse tipo de música?
Afinal, é só ligar a tv e esperar a propaganda. "Batidão Sertanejo", "Coração Sertanejo" "Luan Santana", "Bruno e Marrone", "Zezé Di Camargo e Luciano" e por aí vaí... É uma onda de música sertaneja (fenômeno que chamo de ODMS) inexplicável que faz as gravadoras se entupirem de dinheiro.
Será que as pessoas que foram levadas pela ODMS sofreram algum tipo de (com todo o respeito) lavagem cerebral? De repente, uma enorme parcela da população se encantou por essas músicas, cujos cantores saem em revista e jornal, sendo elogiados por gritarem até ficarem roxos o tempo todo sobre "a maldita que me largou". Francamente, isso não é cantar.
Meu sábio pai diz que ela faz sucesso aqui no Brasil simplesmente porque nós somos, na nossa maioria, sertanejos! Pastos e fazendeiros por tudo quanto é lado. E o que eles vão ouvir? Música sertaneja.
Daí, você que gosta dessa música, vai dizer: "Mas eu não tenho vaca no meu quintal e duvido que o meu pai saiba mexer com elas!". Sabe porque VOCÊ gosta? Ora, porque faz sucesso né? Passa tanto na tv que a música acaba ficando na sua cabeça. Também, com uma música que só tem refrão, como é que ela não vai grudar na sua cabeça? Até a minha pessoa fica cantarolando "Mas me espera que eu tô chegando, tô levando...". É uma praga que precisa urgentemente ser eliminada do nosso planeta.

Bem por hoje é só.

Lee

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Eu queria...

... Tanta coisa. Queria um ombro amigo, um presidente competente, uma flor qualquer no meu jardim, que a vizinha fosse amigável, que o tempo passase mais rápido. Queria que tudo melhorasse, que o Coldplay viesse em Nova Trento, que minha amiga me perdoasse, que alguém percebesse quem realmente sou. Queria que matemática não existisse, que o calendário fosse ignorado, que a regra ortográfica não tivesse mudado. Mas nada disso aconteceu. E quer saber? Não vou esperar senteda que tudo isso aconteça. Vou tocar minha vida, tentando resolver o que dá. Afinal, eu sempre vou ter um desejo não correspondido. Mas vou fazer com que sejam poucos.


Bem por hoje é só.


Lee

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Porque Papai Noel Não Existe?

Porque a gente não quer acreditar. É por esse mesmo motivo que não tem coelhinho da Páscoa, paz no Irã, amor no coração. Porque a gente não acredita mais nessas bobagens. É por isso que eu queria voltar a ter três anos de novo, como minha prima, que ainda acredita nessas coisas. Eu não. Eu não acredito que um dia o Irã vai parar de produzir bombas e distribuir flores de bem-me-quer pra todos. N-E-V-E-R. Ao menos eu não vou viver pra ver isso.
Mas em amor eu acredito. Amor é puro, lindo, térrivel. É bom. E existe.

Bem por hoje é só.

Lee

quarta-feira, 12 de maio de 2010

For the Womans: Valorizem-se!

Esses dias, fui ao shopping com minha mãe, e fomos na loja da Marisa (sua loja favorita. Não tenho nada contra, só que prefiro a Taco) e sem querer, passei no setor de lingerie, e vi uma peça,ammm, ousada, e vi uma mulher pegando uma igulzinha e comprando. Pensei:"Será que ela quer tanto agradar o homem que chega ao ponto de se humilhar?!". Sou totalmente a favor do movimento feminista. Nós também temos orgulho! Senso de vergonha! Capacidade! Nós temos CORAÇÃO, pelo amor de Deus! "De mulher para mulher" o caramba. Eu teria vergonha de sequer pensar em comprar algo tão horrível. Isso é aceitar o machismo!! É isso que as mulheres chamam de sexy? Acho muito mas sexy uma mulher inteligente que valoriza sua beleza interna e externa sem essas roupas horríveis. É isso aí. Termino esse post com uma sugestão aos homens: não deixem sua garota comprar algo assim. Se comprar, dispense-a. Por mim, se não por si ou por ela.

Bem por hoje é só.

Lee.